Células-Tronco

Células-tronco são uma das técnicas mais promissoras no combate ao câncer

Correio Braziliense – Otávio Augusto – 25/09/2018

O transplante de medula é o único tipo de tratamento com células-tronco amplamente disponibilizado no sistema único de saúde (SUS).

Nesta terça-feira (25/9), durante o Correio Debate: oncologia no Brasil, inovação no tratamento e diagnóstico do câncer, o hematologista Fernando Blumm, especialista em transplante de medula óssea e terapia celular do Sírio-Libanês de Brasília, ressaltou os avanços neste tipo de assistência médica.

O especialista desmistificou alguns pontos do transplante. “Não se trata de uma cirurgia. Há uma coleta de células. São usadas aquelas que se reproduzem. Esse é um processo seguro. Fazemos uma expansão e coletamos o excesso. Quem doa não tem nenhum prejuízo. É diferente de quem doa um rim, por exemplo”, detalha.

As células-tronco são encontradas no sangue, em ossos longos e no sangue do cordão umbilical. “Existe a possibilidade de o doador e o receptor ser a mesma pessoa, pessoas diferentes (familiares, amigos ou desconhecidos), entre gêmeos com o mesmo código genético ou com o sangue do cordão umbilical”, esclarece.

Ele completa. “O paciente não precisa ir para centro cirúrgico, não se perfura o osso pele. Não injetamos sangue no osso do paciente. A colocamos no sangue periférico e ela repovoa o sistema imunológico. Esse é um tipo de célula que sabem onde deve esta”, pondera.

A técnica trata doenças oncológicas como a leucemia e mielomas, mas também males como aplasia de medula, talassemia, anemia falciforme e imunodeficiência. “Temos mais entendimento de como fazer e como usar. Hoje conseguimos fazer uma seleção de doador com uma taxa de compatibilidade menor pela melhora de selecionar o doador, às vezes com uma pessoa com 50% de compatibilidade”, avalia.

Para conferir a matéria completa basta clicar aqui.

Categorias: Células-Tronco , Notícias

Mais de 100.000 mães acompanham nosso conteúdo!

    Caro Leitor,

    A CordVida produz o conteúdo desse blog com muito carinho e com o objetivo de divulgar informações relevantes para as futuras mães e pais sobre assuntos que rondam o universo da gravidez. Todos os artigos são constituídos por informações de caráter geral, experiências de outros pais, opiniões médicas e por nosso conhecimento científico de temas relacionados às células-tronco. Os dados e estudos mencionados nos artigos são suportados por referências bibliográficas públicas. A CordVida não tem como objetivo a divulgação de um blog exaustivo e completo que faça recomendações médicas. O juízo de valor final sobre os temas levantados nesse blog deve ser estabelecido por você em conjunto com seus médicos e especialistas.